The Village Cave Hotel é Património Mundialpp_240202402-W300

Para um amante da actividade espeleológica, isto é, do estudo das cavernas e da idade da pedra, a melhor solução está em Cappadocia, na Turquia.

Os hotéis de gruta situados nesta região central da Turquia parecem autênticas casas esculpidas na pedra, mas com o conforto do século XXI.

O site de aluguer de casas Hotels.com, do grupo Expedia, permite marcar férias no hotel de gruta Gamirasu, no vale de Ayyali, ou no The Village Cave Hotel, situado numa formação de rochas declarada Património Mundial em 1985 pela UNESCO.

Outros como o Goreme Kaya Hotel, mais para os apreciadores de actividades desportivas, ou o Dream Cave Hotel, onde se podem gravar os votos de casamento na pedra, também podem ser encontrados no site.

Ler mais...

Turquia, Tanzânia, Hong Kong, Tailândia, Peru e Marrocos têm maravilhas por descobrir. Mas Portugal tambémrp_261300201-W300

Se quer visitar um país onde se possa sentir como se fosse da casa, nada melhor do que adormecer e acordar em hotéis de onde se podem apreciar as melhores paisagens. O portal de reservas hotéis.com garante que há locais com vistas de perder a respiração e capazes de levar os turistas a outras épocas da História.

Os eleitos são a Turquia, Tanzânia, Hong Kong, Tailândia, Peru e Marrocos. Mas Portugal também entra na lista.

Comecemos por Istambul, na Turquia. A vista da cidade a partir do estreito de Bósforo é imperdível. Este local é famoso por dividir a Europa e a Ásia. Ambos os lados da cidade descem até à água como um vale urbano. Dali podem avistar-se várias mesquitas, cujas cúpulas e minaretes elevados «parecem sair de contos de fadas».

Paisagens para apreciar a partir do Radission Blu Bosphorus Hotel. Com cinco estrelas, este hotel tem 120 quartos de luxo e foi desenhado pelo guru de interiores, Sinan Kafadar.

Ler mais...

Alugar uma sombra numa praia portuguesa pode custar cinco euros porSun_14 dia, mas em muitos casos o preço tem dois dígitos e em alguns chega a ultrapassar os 20 euros. Já um mês pode valer cerca de 200 euros.

Mesmo em tempo de crise, há quem não prescinda de manter o hábito e o conforto do aluguer de uma barraca de praia ou de uma sombrinha, faça bom ou mau tempo, em vez de carregar com o guarda-sol. É o caso de muitos banhistas que frequentam as praias da região Oeste.

Ler mais...

Paisagens imperdíveis num final de tarde de Verãopp_240500704-W300

Nem precisa de ir de férias para desfrutar de um pôr-do-sol. Ao final da tarde, seja na praia, no cimo de uma montanha, na estrada ou da varanda de sua casa conseguirá apreciar o sol a pôr-se, as cores em tons alaranjados a desenharem-se no céu... Mas se planeia tirar uns dias de descanso, há alguns pores-do-sol que sobem à categoria de melhores do mundo. São mesmo imperdíveis. O site de reservas hotéis.com fez uma selecção:

Santorini, Grécia

A luz intensa do Mar Egeu é famosa por produzir pores-do-sol intensos. A aldeia de Thira, na ilha de Santorini, é um local de paragem obrigatória, porque ali existem vistas desobstruídas do por-do-sol e com vários pontos de vista. Seja durante um piquenique, ou a partie de um iate, o pôr-do-sol está lá para ser apreciado. Para a estadia, tem ali ao lado o Mill Houses, de 4 estrelas.

Ler mais...

Consumidores que optem pela chamada «eurotarifa» não vão pagarLuggage_-_Carry-On_1 mais do que 35 cêntimos

Os operadores de comunicações móveis da União Europeia são novamente forçados a baixar os preços de retalho das chamadas em «roaming», de acordo com as regras comunitárias.

As regras, introduzidas em 2007 e alteradas em 2009, prevêem que, desde 1 de Julho, os consumidores que optarem pela chamada «eurotarifa» não paguem mais do que 35 cêntimos por minuto pelas chamadas efectuadas e 11 cêntimos pelas chamadas recebidas noutro país da União Europeia, contra os atuais «tectos» de 39 e 15 cêntimos, respectivamente.

Ler mais...