A companhia aérea irlandesa confirmou esta sexta-feira que, a partir de dia 5 de janeiro, vai cortar as bp 310302302taxas de bagagem de 60 para 30 euros no balcão de “check in” das malas, e de 60 para 50 euros já nas portas de embarque.

Esta é a mais recente medida que a Ryanair tomou para melhorar os seus serviços, depois de ter realizado um inquérito aos seus clientes que revelou as inconveniências que mais irritam os passageiros da low-cost.

Além da redução das taxas, a companhia de Michael O'Leary também já renovou o seu site (agora, são necessários apenas 5 cliques para chegar à compra do bilhete), reduziu o preço de impressão do cartão de embarque, passou a permitir uma segunda bagagem de mão e vai passar a ter lugares marcados a partir de 1 de fevereiro, entre outras medidas.

Ler mais...

As receitas dos hotéis subiram para 174 milhões de euros em outubro com um aumento de dormidasrp 011103202 estrangeiras. Segundo o Instituto Nacional de Estatística, o crescimento foi de 7,8 por cento em Outubro face ao mesmo mês do ano passado.

As receitas dos hotéis subiram para 174 milhões de euros em outubro com um aumento de dormidas estrangeiras. Segundo o instituto nacional de estatística, o crescimento foi de 7,8 por cento em Outubro face ao mesmo mês do ano passado. Desde janeiro os hotéis já facturaram 1,76 mil milhões de euros, um acréscimo de 5,2 por cento nas receitas acumuladas no mesmo período de 2012.

Ler mais...

Avião vai competir com Dreamliner da Boeing bp 310305001-W300

O novo avião A350 fez ontem o seu primeiro voo de teste, que teve a duração de quatro horas. Às 09h00 (hora portuguesa), o aparelho da Airbus descolou do aeroporto de Toulouse-Blagnac, em França, com seis pessoas a bordo. Aos comandos, seguiam dois pilotos – um francês e um britânico. Com capacidade para voar até 15 mil quilómetros sem escalas e com um máximo de 350 lugares, o aparelho da Airbus visa competir com o Dreamliner, da Boeing, nos voos de longo curso. O avião levantou da pista ‘Concorde’, perante o olhar de mais de 10 mil funcionários da Airbus, e voou durante quatro horas, sobre o sudoeste francês e o oceano Atlântico, antes de voltar a Toulouse, completando com sucesso a sua primeira viagem. O aparelho, com duas turbinas, foi construído com materiais 50 por cento mais leves do que os anteriores compostos.

Ler mais...

Lisboa foi eleita a melhor cidade europeia para viagens de curta duração com apenas uma cidade comotp 011403101 destino, nos World Travel Awards, distinção que já obteve por três vezes nos últimos cinco anos.

Segundo um comunicado do Turismo de Portugal, cujos representantes recolheram o galardão numa gala celebrada a 31 de agosto em Antalia, na Turquia, os WTA são «reconhecidos à escala global como dos mais honrosos prémios do setor» do turismo.

Com esta distinção, a cidade de Lisboa «vê reconhecida a atratividade e qualidade» da sua oferta no que respeita as estadas de curta duração para visitar diversos pontos de interesse turístico.

No primeiro quadrimestre de 2013, Lisboa registou aumentos de 4,8% nos hóspedes estrangeiros e de 5,7% nas dormidas estrangeiras, face ao período homólogo de 2012, segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Ler mais...

Desde banheiras com vista para castelos medievais a piscinas no campo inspiradas em Le Corbusier, há de tudo entre os seis novosrp 270405801-W300 hotéis portugueses que a Condé Naste destacou na sua ‘hot list’ deste ano.

O primeiro passo foi identificar os mais de mil hotéis que abriram no mundo inteiro no último ano e que, por algum motivo, merecessem atenção e uma visita. A seguir, reduziram a lista a cerca de 200, em 57 países, aos quais se enviaram anonimamente 36 repórteres com uma missão: "descobrir os melhores entre os melhores". O resultado foi conhecido na semana passada, ao fim de dez meses: a ‘hot list' da Condé Naste Traveller, uma das mais reputadas publicações de viagens e turismo, identificou 154 espaços novos que, garantem, vale a pena pagar para conhecer. Entre eles, seis são portugueses.


Os hotéis eleitos estão todos em diferentes pontos do país, desde o minhoto Carmo's Boutique Hotel até à algarvia Fazenda Nova, passando pela Villa Extramuros (Arraiolos), o Cooking & Nature Emotional Hotel (Porto de Mós), o Lisboa Carmo Hotel (no centro da capital) e a Pousada de Cascais, a maior unidade das seis escolhidas. Portugal é, aliás, um dos países com mais unidades distinguidas na ‘hot list' de 2013 - tem mais que, por exemplo, Espanha, Austrália, Grécia ou Alemanha, sendo apenas batido pelos Estados Unidos (com 16 hotéis na lista), Inglaterra (com oito), França (nove) e Itália (sete). A lista, que a Condé Naste Traveller actualiza há mais de 17 anos, e na qual só entram locais depois de testados pelos especialistas da publicação, inclui ainda uma subcategoria desses espaços com preços abaixo de 300 dólares (230 euros) - os portugueses também lá estão.

Ler mais...