A ponte aérea entre Lisboa e Porto, serviço inaugurado este domingo pela TAP para transporte de passageiros entre as duas cidades, está a ter o ponte aéreasucesso previsto pela transportadora nacional.

Desde este domingo, 27 de Março, a TAP passou a voar de hora a hora entre Lisboa e Porto, no âmbito do serviço de ponte aérea inaugurado hoje, dia em que se inicia o horário de Verão IATA.

Em comunicado, a TAP refere que dos 36 voos diários previstos para hoje, 18 em cada sentido, 26 foram já realizados até às 17:30, " tendo a ocupação correspondido ao nível de reservas estimado, que previa que todos os voos de hoje estariam esgotados".

"Desta forma, faltando ainda concretizar uma parte da operação de hoje, a TAP pode assegurar que deverá hoje ser batido um recorde de passageiros entre Porto e Lisboa num único dia", acrescenta.

Com a ponte aérea, "a TAP inaugura um serviço de qualidade na ligação entre as duas principais cidades de Portugal, oferecendo ao mesmo tempo um preço competitivo, com tarifas a partir de 39 euros por percurso", salienta a companhia aérea.

De acordo com a reprogramação efectuada a partir de hoje, "foi dado mais um passo na criação da Nova TAP, uma companhia que se pretende de grande qualidade e que, a partir do seu ‘hub’, seja cada vez mais uma referência nas ligações entre a Europa, a África e as Américas".

Para esse efeito, acrescenta, "estão a ser efectuados enormes investimentos, só possíveis de concretizar após a privatização da companhia, a qual permitiu iniciar o processo de renovação integral da frota e dar passos na melhoria do produto oferecido".

Para atingir os seus objectivos, "a TAP é obrigada a utilizar os seus meios com racionalidade, o que implica a suspensão de rotas que apresentem resultados deficitários, nomeadamente nove rotas à partida de Lisboa e quatro à partida do Porto. Este conjunto de mudanças, associadas ao reforço de algumas rotas estratégicas e à oferta de um novo produto nas ligações entre o Porto e Lisboa, permitem obter uma melhoria de resultados na ordem dos 60 milhões de euros, valor que contribuirá para o equilíbrio das contas da companhia e para novos investimentos que beneficiarão o serviço oferecido aos clientes", conclui o comunicado.

Fonte: Jornal de Negócios